Câncer de mama: conheça mais e saiba como preveni-lo

A conscientização e a prevenção ao câncer de mama são o foco principal da campanha Outubro Rosa, criada no início da década de 1990, como uma iniciativa da Fundação Susan G. Komen for the Cure, nos Estados Unidos. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), este tipo de doença é o segundo mais comum entre mulheres, atrás somente para o de pele. Por isso, a campanha se faz tão necessária.

O câncer de mama é originado em decorrência da multiplicação desordenada das células, problema que, se não tratado a tempo, pode afetar outras regiões do corpo e causar complicações bastante graves. Em alguns casos, esse aumento se dá de forma rápida, em outros mais lenta. A doença também pode acometer homens, mas as chances são mínimas (cerca de 1% do total).

Conhecer a seriedade desta doença e, acima de tudo, a importância de prevenir seu surgimento são fatores fundamentais para estimular os cuidados com a saúde da mulher. Hábitos simples podem fazer toda a diferença na redução das incidências.

Após os 40 anos, segundo as sociedades médicas nacionais e internacionais, a realização da mamografia é primordial. A mamografia, também denominada mastografia, é um exame de imagem, responsável por estudar o tecido mamário. O acompanhamento regular com especialistas em saúde da mulher, como o ginecologista e o mastologista, pode prevenir diversas outras doenças. No entanto, alguns sintomas podem ser observados e auxiliar no diagnóstico. Veja alguns deles:

  • Surgimento de caroços internos em um ou ambos os seios;
  • Alterações no formato e assimetria das mamas;
  • Desvio ou inversão dos mamilos;
  • Mudanças na cor ou textura da pele dos seios;
  • Vermelhidão na mama ou no mamilo;
  • Secreção sem cor, rosada ou avermelhada.

Conhecer o próprio corpo irá ajudar a perceber qualquer anormalidade, como as descritas acima. Caso um ou mais destes sinais apareça em seu corpo, procure imediatamente um mastologista, que irá solicitar exames para averiguar suas causas.

Por outro lado, o câncer de mama pode ser prevenido por atitudes simples no dia-a-dia, tais como:

  • Ir regularmente ao médico;
  • Buscar ter uma alimentação equilibrada;
  • Fazer atividade física diariamente;
  • Evitar consumo de cigarro e bebidas alcoólicas;
  • Manter o seu peso ideal.

Cuide-se e previna-se!

Fonte: Ministério da Saúde / Instituto Nacional do Câncer (INCA)

Compartilhe:

Sobre o autor

Comunicação Santa Casa de Curitiba

Com o objetivo de divulgar e levar mais transparência a pacientes, colaboradores, médicos, operadoras de planos de saúde, órgãos públicos e público em geral, a ISCMC conta com uma equipe de Comunicação e Marketing, que é responsável em zelar pela imagem da instituição, que há mais de 140 anos é respeitada e reconhecida em toda a sociedade.

Você também pode gostar destes

Skip to content