Página Principal/Notícias/Santa Casa de Curitiba utiliza máscaras de mergulho adaptadas para tratamento de Covid-19

Santa Casa de Curitiba utiliza máscaras de mergulho adaptadas para tratamento de Covid-19

por , 18 de março de 2021

Equipamentos foram doados e reduzem o tempo de internação

O Hospital da Santa Casa, uma unidade da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba, é a maior instituição filantrópica no combate à Covid-19 em Curitiba. No entanto, com o avanço de cepas mais contagiosas do coronavírus, o número de internações subiu nas últimas semanas, aumentando, assim, a demanda por variados insumos no combate à doença.

Através da campanha #SantaCasaaFavordaVida, duas ONGs realizaram a doação de máscaras de mergulho adaptadas para o tratamento da Covid-19 com um sistema de ventilação não invasiva (VNI), a Motirõ Saúde (SP) e a Cuidar-se (SE). A primeira doação ocorreu em outubro do ano passado e, como resultado, a Santa Casa passa a contar com 60 máscaras que reduzem o tempo de internação dos pacientes e, principalmente, salvam vidas.

As máscaras recebidas foram destinadas aos pacientes internados nas UTIs e funciona como prevenção para evitar a necessidade de intubação. Portanto, o equipamento é uma solução menos traumática para o paciente, já que o mesmo permanece acordado durante todo o processo e pode, sobretudo, interagir com as equipes médicas. Nesse sentido, o equipamento oferece um tratamento mais humanizado e aumenta as chances de suavizar a dor de um momento difícil para o paciente.

A máscara é um equipamento barato e contribui para economia de gastos. Assim, sem a necessidade de intubar, o paciente não precisa entrar em coma, o que reduz o consumo de sedativos. Outro benefício ainda é que a máscara utiliza um sistema diferenciado de ventilação, que diminui os riscos que poderiam surgir com o processo de intubação tradicional, como ferimentos na traqueia e pulmão.

“As máscaras doadas foram de imensa utilidade para instituição nesse momento de pandemia”, diz Yohanna Bulgarelli, fisioterapeuta do Hospital Santa Casa. “Além do benefício fisiológico que ela tem para o paciente, o modelo é mais anatômico, o que deixa a terapia da ventilação mais confortável”, concluí.

Santa Casa de Curitiba utiliza máscaras de mergulho adaptadas para tratamento de Covid-19

A importância da máscara se reflete também para a equipe médica. O equipamento diminuiu a dispersão de aerossóis, quesito de extrema importância para a segurança do ambiente hospitalar e contribui para reduzir a contaminação dos colaboradores.

Fábio Alher, membro do Motirõ, comenta que autoridades da saúde consideram que o uso das máscaras evita até 40% das intubações. “A gente sabe que o índice de sobrevivência de pessoas intubadas é em torno de 66%, então, isso dá uma noção da grandeza e da importância que o uso do equipamento traz para o combate ao Covid”, comenta.

Ainda de acordo com a Motirõ, o equipamento é versátil e pode ser usado tanto em hospitais de grande porte ou nas UPAs. A máscara adaptada possuí um filtro que reduz o vazamento de aerossol em 95%. Combinada com outra proteção, o equipamento consegue evitar a transmissão em 100%.

Santa Casa a Favor da Vida

A campanha #SantaCasaaFavordaVida neste mês completa 1 (um) ano de ações contínuas na arrecadação de recursos para o combate à Covid. Devido ao grande aumento dos casos nas últimas semanas, o hospital está em processo de abertura de 10 novos leitos de UTI e precisa mais uma vez do apoio de toda a comunidade para suprir os custos com equipamentos, materiais médico-hospitalares, medicamentos e EPIs.

Existem duas formas de fazer a sua doação. Uma é doar qualquer quantia de forma direta. A outra é fazer através da declaração do seu Imposto de Renda. Para mais informações e orientações de como fazer a sua doação, acesso o passo a passo em nosso site.

Mais informações pelo e-mail doesantacasa@santacasacuritiba.com.br ou pelos telefones: (41) 99177-6299 (41) 3320-3820 ou pelo site: santacasacuritiba.com.br/santacasaafavordavida

Compartilhe