Página Principal/Notícias/População pode se vacinar contra a gripe na Santa Casa de Curitiba

População pode se vacinar contra a gripe na Santa Casa de Curitiba

por , 27 de abril de 2021

Em parceria com a MedMe Farmácias, drive-thru agora oferece possibilidade de imunização todos os dias da semana

Com a proximidade do inverno e consequente queda de temperaturas, o cuidado com a saúde precisa ser redobrado. Pensando em contribuir com a sociedade, o hospital Santa Casa, uma unidade da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba, em parceria com a MedMe Farmácias, passa a oferecer vacina contra gripe no drive-thru, que também é usado para testes de Covid-19.

A campanha está disponível desde a última segunda-feira (26/04). O atendimento é por ordem de chegada e não precisa agendar horário. Os interessados devem se dirigir à Avenida Visconde de Guarapuava, nº 3170, o horário de atendimento segue o mesmo dos testes de Covid-19, das 09h às 17h. Podem se vacinar a população em geral e crianças que forem tomar o imunizante, os pais ou responsáveis precisam assinar um termo de responsabilidade no local.

O valor da dose é R$100,00 para o público em geral. Profissionais da Saúde e clientes do SAS têm R$20,00 de desconto e paga apenas R$80,00. Mais informações podem ser consultadas com a MedMe Farmácias pelo site ou pelo (41) 3079-0945.

No momento, todas as pessoas interessadas podem se vacinar no drive-thru da Santa Casa. O Ministério da Saúde orienta que os principais grupo que devem tomar a vacina são crianças entre 6 meses até 6 anos, gestantes e puérperas (ou seja, mulheres que estão no período de 45 dias após parto), povos indígenas, profissionais da saúde, idosos com mais de 60 anos e professores.

É importante lembrar que as pessoas que tenham tomado a vacina contra a Covid-19 devem esperar o intervalo de 14 dias para aplicar a vacina da gripe, sendo que o imunizante contra o coronavírus deve ser sempre priorizado.

A vacina é contraindicada apenas para quem tem menos de 6 meses de vida ou quem tem reação alérgica intensa aos componentes da vacina. Além disso, pessoas que estejam doentes ou com suspeita de Covid-19 precisam adiar a vacinação. Quem estiver totalmente recuperado ou se já passaram quatro semanas do início dos sintomas ou confirmação de Covid-19 também podem se vacinar, respeitando esse intervalo.

Importância da Vacinação

Para a biomédica, Nicolle Portela Oleniki, a vacina é importante, pois no Brasil o vírus influenza apresenta grande variabilidade genética e novas mutações acontecem todo ano. “É de extrema importância a população se conscientizar da necessidade de receber a vacina contra a gripe todos os anos, isso reduz a circulação viral, assim como complicações, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco”, diz a especialista.

A circulação viral fica mais forte durante o outono e inverno, porque com a queda das temperaturas, as pessoas tendem a ficar em ambientes mais fechados. É importante ressaltar também que em momento de pandemia é imprescindível que o máximo de pessoas estejam protegidas contra a gripe.

A biomédica reafirma ainda que a vacina é recomendada para todas as idades e fundamental na prevenção de doenças respiratórias graves, reduzindo assim a necessidade de cuidados intensivos e ocupações nos hospitais. “Os sintomas da gripe e da Covid-19 podem ser facilmente confundidos e isso causa interferência no diagnóstico correto dos pacientes e atrasa os cuidados necessários e adequados para pessoas contaminadas”, explica Oleniki.

Compartilhe

Deixe um comentário

XHTML: Você pode utilizar as seguintes tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>